quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

As flores que ornamentam o altar

por Pe. Ulysses da Silva, C.Ss.R
(REVISTA DE APARECIDA)

As flores não são apenas lindas plantas, são também símbolos dos sentimentos e emoções.

Revelam uma realidade íntima ou transcendente que as palavras não conseguem exprimir. Criadas com carinho por Deus, manifestam primeiramente o amor infinito e delicado do Criador pela criatura humana. Contemplar uma flor é sentir o olhar carinhoso do Pai sobre cada um de nós. E será sempre a flor a revelar o que se esconde no coração humano. Uma rosa vermelha expressa o amor, uma flor branca significa a paz. Os jarros e os ramalhetes de flores coloridas convidam à festa, à alegria, às felicitações. E nos momentos de dor ou de perda, as flores manifestam nossa solidariedade no sofrimento.

A nossa Liturgia é toda ela uma ação simbólica. Seus ritos, suas palavras, seus gestos e seus cantos servem para visualizar os gestos salvíficos de Jesus Ressuscitado em nosso favor. Ao mesmo tempo, manifestam os nossos sentimentos de gratidão, de súplica, de louvor e de arrependimento. É claro que uma bela celebração litúrgica deve ser ornamentada também com as flores.

Uma bela ornamentação nunca faz das flores o centro da atenção. Pelo contrário, são elas que colocam em realce uma imagem, um objeto ou uma pessoa. Assim, quando usamos as flores para ornamentar uma igreja, a primeira preocupação deve ser a simplicidade. Nada de ostentação. Tudo, também as flores, se coloca a serviço do lugar, do tempo e daquilo que se vai celebrar.

Isto é ainda mais importante quando falamos da mesa do altar. Jamais pode ficar sufocada pelos enfeites. Enquanto possível, as flores, em jarros ou em arranjos, devem ser colocadas de tal modo que não estejam sobre a mesa do altar, mas junto dela. E elas indicam o tempo litúrgico que se está vivendo. Uma grande solenidade, como Natal, Páscoa, Padroeiro etc. Merece um enfeite especial, que será bem mais modesto durante o Advento e até ausente durante a Quaresma. Assim, as flores ajudam a Comunidade a participar das celebrações também com o coração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Coloque aqui o seu comentário. Deixe sua sugestão, elogio ou reclamação.
Obrigado por fazer este blog melhorar a cada dia!