sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Mensagem


ORIGEM IMPENETRÁVEL DA SABEDORIA 
(Eclo 1, 1-10)

Toda a sabedoria vem do Senhor Deus,
ela sempre esteve com ele.
Ela existe antes de todos os séculos.
Quem pode contar os grãos de areia do mar,
as gotas de chuva, os dias do tempo?
Quem pode medir a altura do céu,
a expansão da terra, a profundidade do abismo?
Quem pode penetrar a sabedoria divina, anterior a tudo?
A sabedoria foi criada antes de todas as coisas.
a inteligência prudente existe antes dos séculos!
O verbo de Deus nos céus é fonte de sabedoria,
seus caminhos são os mandamentos eternos.
A quem foi revelada a raiz da sabedoria?
Quem pode discernir os seus artifícios?
A quem foi mostrada e revelada a ciência da sabedoria?
Quem pode compreender a multiplicidade de seus caminhos?
Somente o Altíssimo, criador onipotente,
rei poderoso e infinitamente temível,
Deus dominador, sentado no seu trono;
foi Ele quem o criou no Espírito Santo.
quem a viu, numerada e medida;
Ele a espargiu em todas as suas obras,
sobre toda a a carne, à medida que repartiu-a;
e deu-a àqueles que a amavam.


Imagem: http://presentepravoce.files.wordpress.com/2009/08/sstrindade1.jpg

SAIBA MAIS SOBRE O ECLESIÁSTICO:
Este livro foi escrito originalmente em hebraico entre os anos 190 e 180 a.C., por Jesus, filho de Siraque, de Jerusalém. Foi traduzido para o grego lá pelo ano 132 a.C. pelo neto do autor, no Egito. Na Septuaginta o nome do livro é A Sabedoria de Jesus, filho de Siraque, na Vulgata o livro é chamado de Eclesiástico, que quer dizer "livro da Igreja".
O livro louva a Sabedoria, o que já tinha sido feito em Provérbios 1.20-33 e 8.1-30 e seria feito mais tarde no livro A Sabedoria de Salomão.
Escrevendo numa época em que as autoridades sírias tentavam forçar os judeus a aceitar doutrinas e  costumes gregos, o autor recomenda aos seus leitores que continuem fiéis às doutrinas e aos costumes dos antepassados. Neste livro ensina-se que a verdadeira sabedoria vem de Deus, e a sua revelação mais completa e fiel se encontra na Lei de Moisés, ensinada e praticada pelo povo de Israel durante muitos séculos. Os grandes personagens da história dos israelitas foram justamente aqueles que obedeceram fielmente às leis de Deus. O livro ensina que o dever principal de todo judeu é obedecer à Lei, onde se encontra na verdadeira sabedoria. [...]
O texto hebraico ficou desaparecido até 1896. Porém, nesse ano, mais ou menos duas terças partes desse texto foram descobertas na cidade do Cairo; e depois outras porções em hebraico foram descobertas em Qumrã e em Massada. Mas foi a versão grega e não o original hebraico que foi transmitida e usada pelos cristãos e aceita como escritura sagrada pela Igreja Católica. 
[...]

Texto retirado de "Bíblia Sagrada: Nova Tradução na Linguagem de Hoje", Editora Paulinas, p. 778 (Introdução do Eclesiástico)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Coloque aqui o seu comentário. Deixe sua sugestão, elogio ou reclamação.
Obrigado por fazer este blog melhorar a cada dia!