sábado, 3 de setembro de 2011


Cristo-Palavra:
A PERFEITA E DEFINITIVA COMUNICAÇÃO DO PAI

por Pe. Antonio Clayton Sant'Anna, C.Ss.R
Temos aqui a técnica, os instrumentos; não o conteúdo da comunicação. A "palavra humana" como tal torna-se presa fácil da propaganda. Aí serve a interesses e ideologias. Não diz a verdade! Ora, Deus não está a nosso alcance por meio de nenhuma técnica, artifícios humanos e interesses. Ele mesmo se revelou: tirou o véu que O velava. Sua "Palavra" na Criação e na Redenção comunicou-nos o seu mistério de bondade. São João o diz: "No princípio era o Verbo (a Palavra) e a Palavra estava junto de Deus e a Palavra era Deus" (Jo 1,1).
O apóstolo identifica a Palavra com a realidade divina: é a "voz" do mistério divino que se comunicou. É a revelação! Em Jesus Cristo ela é plena, definitiva e irrepetível. Ele, em perfeita comunicação com o Pai, tudo recebe dele para transmitir a nós do mesmo modo. "Tudo o que o Pai tem é meu" (Jo 16,15). "Ninguém conhece o Pai senão o Filho e a quem ele o quiser revelar" (Mt 11,25).
A salvação não vem do homem, vem da autocomunicação de Deus. Falando através de acontecimentos da história e de interlocutores. Deus nos convida e quer nos acolher na comunhão plena de sua amizade. A História é lugar da salvação e a história de Jesus a realizou! Deus comunicou tudo o que queria por meio de Jesus: sua palavra-carne. Digamos assim: Palavra "digital" de Deus no homem. O projeto-programa salvador da Trindade instalou um "chip" do mistério de Deus na carne humana.
Na encarnação de Jesus Cristo: o Verbo-"chip" de Deus foi inserido em nossa natureza. O circuito divino impresso no homem resgatado o fez capaz da comunicação que vem de Deus e volta para Ele em Jesus, o comunicador do Pai. Jesus não é só meio ou modo de Deus se revelar. É a comunicação perfeitíssima com Deus uno e trino. Filho de Deus e Verbo humanado, Cristo é a Palavra única e inseparável do Pai. Não há outra! Revelações particulares existem, mas não completam nem melhoram a revelação exclusiva de Cristo.
Ficam submissas às orientações da Igreja que tem a responsabilidade de guardar o "depósito revelado". Quanto mais se esquadrinha o universo estelar tanto mais aumenta o conhecimento astronômico sem responder sobre a possível existência de vida em outros planetas. A Revelação nos leva não só às informações do universo, mas ao sentido unitário da vida no encontro vivo com o Deus de Jesus Cristo.

REVISTA DE APARECIDA nº 114 - QUESTÕES DE FÉ: CRISTO-PALAVRA: A PERFEITA E DEFINITIVA COMUNICAÇÃO COM O PAI - PE. ANTONIO CLAYTON SANT'ANNA - PÁG. 12

http://blog.comshalom.org/jmj2011/files/2010/06/sagrado-cora%C3%A7%C3%A3o-de-Jesus.jpg


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Coloque aqui o seu comentário. Deixe sua sugestão, elogio ou reclamação.
Obrigado por fazer este blog melhorar a cada dia!