terça-feira, 10 de maio de 2011

Dom Damasceno é eleito Presidente da CNBB


Dom Damasceno
O cardeal arcebispo de Aparecida, Dom Raymundo Damasceno Assis foi eleito ontem (9) o novo presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

O processo eletivo da CNBB estava entre os temas centrais da Assembleia. Nos últimos quatro anos (2007-2011), o cargo de presidente da CNBB foi ocupado por Dom Geraldo Lyrio Rocha.

Após a Santa Missa da Assembleia das 7h30, desta terça-feira (10), no Altar Central do Santuário Nacional, Dom Damasceno afirmou ao Portal A12.com que conta com as orações dos fiéis da Igreja no Brasil e de modo especial da arquidiocese de Aparecida.

“Conto com a participação dos demais irmãos do episcopado e as orações de todos os fiéis da arquidiocese de Aparecida e da Igreja no Brasil para que eu possa realizar essa missão nesses próximos quatro anos”, afirmou.

Dom Damasceno afirmou que esta nova missão também é uma maneira como Deus manifesta a sua vontade.

“Recebo esta notícia com surpresa, mas também com certa naturalidade. Esta é uma maneira de Deus manifestar a sua vontade, através dos meus irmãos do episcopado”, completou.

O Cardeal enfatizou que não vai realizar nesta missão sozinho, mas conta com o trabalho e a dedicação dos demais membros da presidência da CNBB, que devem ser eleitos ainda nesta terça-feira.

“Estamos aguardando a eleição dos demais membros da presidência, presidente dos demais órgãos da CNBB para que juntos possamos delinear as primeiras iniciativas a serem tomadas”, afirmou.

O arcebispo de Aparecida e novo presidente da CNBB enfatizou que todas as iniciativas da nova presidência da CNBB serão tomadas uma maneira conjunta, em comunhão, em união com os demais membros da presidência.

Dom Damasceno pediu as orações dos fiéis e a proteção da Padroeira do Brasil.

“Que com a proteção de Nossa Senhora Aparecida eu possa realizar essa responsabilidade e ao mesmo tempo contar com a colaboração dos meus irmãos do episcopado”, concluiu.

Hoje as eleições continuam para vice-presidente e secretário. Eleitos os membros da Presidência, a Assembleia escolherá os 12 presidentes das Comissões Pastorais e o delegado da CNBB junto ao Conselho Episcopal da América Latina e Caribe (Celam).

Em entrevista, o Cardeal falou de como recebeu a notícia de sua eleição para a presidência da CNBB. Confira:


49ª Assembleia Geral: Entrevista Dom Raymundo Damasceno by Santuário Nacional

FONTE: www.a12.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Coloque aqui o seu comentário. Deixe sua sugestão, elogio ou reclamação.
Obrigado por fazer este blog melhorar a cada dia!